RESSIGNIFICANDO ALÉM DA SUSTENTABILIDADE

Essa é a potência contida na última coleção da Fernanda Yamamoto que descreve o que a moda carece neste novo tempo que estamos vivendo pela primeira vez na SPFW.
Com um casting de inúmeras idades, corpos e tecelãs. O feeling oriental se misturou com as sonoridades brasileiras.


Ver desde o backstage às passarelas bordadeiras desfilando junto com artistas e um lindo coral aclamado por Chico César mostra o poder afetivo e humanitário contido na moda, com suas ferramentas canalizadoras internas essências como: sustentabilidade, diversidade, inclusão, afeto e criatividade.
Uma mescla de um vasto arsenal criativo, que construiu através de um novo ressignificado de retalhos, uma nova coleção com nunces renascentistas e inusitados, bufantes mas também singelos !






Uma coleção de tirar não só o fôlego, mas também as lágrimas. A arte que tecem cada fio e transformam vidas, costuram histórias e dão acabamentos à novos sentidos da vida. Esse foi o manifesto interno, oriental, upcycling e sustentável de Fernanda Yamamoto no #SPFWN48 !

@blogguilhermedias
@spfw
@fernandayamamoto_loja

Blog Guilherme Dias

Nenhum comentário:

Postar um comentário