COMPUTAÇÃO GRÁFICA: A NOVA ERA DE DESFILES DIGITAIS

Anifa Mvuemba é diretora criativa e designer da Hanifa que nesta semana inovou a maneira de se desfilar coleções de moda pelas plataformas digitais com a computação gráfica. Uma tecnologia desenvolvida e evoluída de última geração que traz movimentos combinatórios para as roupas já que estamos impossibilitados de reunir pessoas para um desfile com modelos.

A coleção trouxe uma mensagem forte para com a coleção congolonesa trazendo uma crítica para com as explorações de minérios na criação de celulares smartphones que tem destruído e colocado inúmeras crianças, mães e famílias inteiras em situações análogas escravocatas.








Cada estampa foi feita pensando no clima, vegetação e até o sangue derramado das crianças no Congo por partes das guerras militares e atos civis. 

O mais interessante neste trabalho é a renda que por partes serão revertidas para ajudar essas famílias que se encontram em extrema situação de vulnerabilidade.
Além disso, a designer é uma imagem do empoderamento feminino com suas peças mais que inclusivas às mulheres mais maduras do Congo.






Lutar pela liberdade significa ter coragem de "erguer as nossas cores" como cantada pelo povo explorado na guilhotina da trilogia cinematográfica de Piratas do Caribe aos facistas britânicos.



Redes sociais da marca: @hanifaofficial

Blog Guilherme Dias

Nenhum comentário:

Postar um comentário