SPFWN48: A ARTE DRAMÁTICA DE LINO VILLAVENTURA

O que dizer de um estilista que participou exatamente TODAS as edições do SPFW sem perder a qualidade e luxo de trabalho nelas ? Bom, este é o trabalho do estilista Lino Villaventura, um dos maiores nomes da moda global.

A coleção apresentou obras de artes retradas em corpos vivos com inúmeras formas e silhuetas.
Os plissados e babados com lantejoulas, paetê e entre outros tecidos que trouxeram no brilho clássico a coleção que via de regra, são fora dos quebra-cabeças das tendências da moda.



A paleta de cores carregada em vermelho em tom de sangue, cinza, prata, branco e o preto.
Sem contar também na variedade do casting que carregava corpos saudáveis e também sarados.
A máscara skincare também fez parte da composição e trouxe aos modelos um toque dramático e robusto.





Mais uma vez, Vivi Orth incendiou as passarelas de Lino e se destaca mais uma vez como uma das principais modelos do país e também a mais ovacionada das edições de SPFW após a era Gisele, Trentini e Isabeli Fontana.


Em um bate papo exclusivo com o Blog Guilherme Dias no backstage, o estilista disse as seguintes sentenças:

"Não fiz faculdade ou qualquer ensino superior de moda, acredito que isso venha limitar a criatividade autêntica dos estilista brasileiros e acredito no meu trabalho, sempre acreditei"
- Lino Villaventura

"Não preciso fazer protesto com placas em meus desfiles, caso contrário iria protestar nas ruas. Acho essa moda de protesto a sustentabilidade chato e se for para fazer um trabalho, eu faço bonito e bem feito"
- Lino Villaventura

Está aí um cara que conhece o seu DNA !




Blog Guilherme Dias

Nenhum comentário:

Postar um comentário