UM ARMÁRIO CAPSÚLA E SUSTENTÁVEL


Em um páis que produz mais 400mil tôneladas de resíduos têxtis, ou 1 caminão de resíduo têxtil por hora, sginifica em contrapartida então que apenas um armário capsúla hoje não dá conta do meio ambiente em uma alta produção de lixos como hoje, principalmente nas indústrias da moda !


Mais do que querer um guarda-roupas organizado e sustentável, precisa-se entender quais tipos de roupas fazem o teu estiloe o corte adequado para o seu corpo.
Muitos dizem 33 mas eu digo qualquer número limite pré-estabelecido por você ! O númrto menor ou não, não importa tanto, mas o fato destas peças serem consciêntizadas antes de entrarem e sairem do seu wardrobe é o ponto chave.


Pensar em um número reduzido de peças para todas ocasiões possíveis ao uso é realmente um desafio, mas você pode começar pensando nos lugareis os quais você já frequenta. Como festas, emprego e etc.

Um lookbook não é nada mal e irá ajudar bastante a você pré-selecionar e gerenciar bem as peças que irão compor este armário. Vale ressaltar que você pode pensar e compor várias opções dwe looks com apenas uma peça coringa, isso significa que você pode explorar todas estas possibilidades casando cada composição e reutilizando cada um.


Não consiste isto em apenas poucas peças que se combinam e cores e monstagens, mas em peças consciêntizadas, resgatadas e reutilizadas de uma forma atemporal e criativa.

Certefique-se também na hora de descartar peças que não mais irão participar deste armário capsúla quem são as pessoas que vão ultilizar estas roupas, se elas realmente usarão ou não, se tais pessoas doadas servirão para a pessoa a quem receber, seja em tamanho, seja em gosto também, porque uma roupa descartada e não usada novamente será um novo resíduo prejudicial ao nosso planeta. Por isso, todo cuidado na hora de tirar do wardrobe é essencial.




Buscando de uma forma atemporal estas peças do seu armário capsúla e sustentável é também uma peça chave para você que quer mais do que roupas combiando entre sí em poucas quantidades, mas também enaltecendo a sua durabilidade.
Se quiser, adicione sim peças trend mas também pense mais e além das tendências para não cair em uma armadilha da mida que logo após a decadência não o leve ao consumismo descontrolado por trends.


Usando peças em lavagens reduzidas consiste em conhecer essas roupas que estão entrando no seu closet, se perguntando QUEM, QUANDO, ONDE & COMO. Pensando tamém em conhecer o fornecedor destas roupas para que não esteja assim contrinuindo para esta onda destrutiva ao nosso planeta.

Garimpe boa parte das suas peças em brechós de qualidade, para assim não precisar se sentir pressionada a toda a hora fazer a lista de questionamentos acima. Os brechós cresceram mais de 50% nos últimos anos após a alta procura por roupas de qualidade a preçõs brutalmente acesíveis, isso significa que não é cafona garimpar hoje no mundo da moda, e sim um ato exemplar.

Use eco bags como está em um recebido abaixo da @ahlma.cc . A cada bag usada por dia, menos 6 sacolas são evitadas de serem descartadas nas ruas !


Após estes passos e já tendo as roupas necessárias para os ambientes tanto formais e informais, não se preocupe em repetir as fotos looks postadas no seu instagram, pelo contrário, use as hashtags #ecofriendly, #modasustentável, #sustentabilidade, #enviroment e espalhe a sustentabilidde aonde quer que for.



Blog Guilherme Dias

Nenhum comentário:

Postar um comentário